Radiofrequência Corporal

A Radiofrequência reduz medidas corporais e melhora a flacidez cutânea. O tratamento consiste no uso de uma ponteira especial que eleva a temperatura da pele de 36 a 42º C, aproximadamente. Ela atinge as camadas mais profundas da pele e estimula a formação de colágeno, contração das fibras musculares, deixando-a mais saudável e vistosa. Isso acontece porque, quando provocado o aquecimento, há uma aceleração do metabolismo de gorduras localizadas nas áreas aquecidas e, consequentemente, um aumento da produção de colágeno. Isto devolve a elasticidade da pele e favorece a eliminação do excesso de gordura, típico de quem tem a pele flácida. É um procedimento que oferece resultados rápidos e duradouros. Sem dor e com poucas sessões é possível obter resultados satisfatórios.

PRINCIPAIS INDICAÇÕES



Flacidez tecidual;
Gordura Localizada;
Celulite;
Edema;
Fibroses.

Quantas sessões são necessárias?


São necessárias em média de dez a doze sessões, com duração de uma hora cada. Após a sessão não é necessário cuidados especiais.


E qual a frequência indicada?


Como é um tratamento mais efetivo e profundo, é recomendado que haja um intervalo de quinze a vinte dias entre as sessões para que não ocorra nenhum tipo de dano à pele. A intensidade do tratamento faz com que o intervalo entre as sessões seja maior, assim, não há riscos de queimaduras e lesões à pele e os resultados já são observados.


Quais são as contra-indicações?


Não há grandes restrições ao tratamento. Assim como qualquer outro tratamento estético, ele não é recomendado às gestantes, mulheres que estejam amamentando e portadores de câncer de pele ou outras doenças do colágeno. Também não é aconselhável para aqueles que têm grande sensibilidade ao calor.